Carregando...O que é Vasectomia?

O que é Vasectomia? Como é Feita? Quais suas Vantagens e Desvantagens?

Você quer ter filhos? Quantos? Vocês querem mais filhos? Essas são as perguntas muito comuns no dia a dia de um casal maduro. No entanto há sempre a possibilidade da respostas serem “não”. Quando isso acontece, é comum que os homens busquem métodos de anticoncepção como a vasectomia.

Com certeza você já ouviu muita coisa sobre esse procedimento, mas sempre fica aquela dúvida sobre as vantagens e desvantagens que esse procedimento pode ter. Pensando nisso, desenvolvemos uma artigo para desmistificar a tão falada Vasectomia! Acompanhe.

O Que é Vasectomia?

Conhecida também como laqueadura masculina, ligadura dos ductos deferentes ou esterilização, a vasectomia é um procedimento cirúrgico que interrompe o fluxo de espermatozoides por meio da ligadura cirúrgica dos canais deferentes – vias responsáveis pela condução dos espermatozoides até a uretra – inviabilizando assim uma ejaculação que os contenha.

O procedimento é considerado muito seguro e não causa nenhuma disfunção sexual como problemas de ereção e baixa produção de testosterona.

Quem Pode Recorrer à Vasectomia?

Aqui no Brasil existe uma regulamentação para a esterilização cirúrgica sob a Lei nº 9.263 / 96, que trata do planejamento familiar, que define o seu artigo 10 ou 12 e as condições obrigatórias para sua execução.

Como vários fatores devem ser levados em conta como o estado de saúde do paciente e sua preferência por ter ou não filhos, alguns médicos divergem quanto a idade considerada adequada para a realização do procedimento, variando entre os 30 e 40 anos.

Como é Feito o Procedimento?

Para a realização do procedimento, não é necessário fazer nenhum tipo de preparo especial. Ao começar a cirurgia, os médicos fazem uma pequena infiltração local com o anestésico e em seguida pequenas incisões de mais ou menos um centímetro, uma em cada lado da bolsa testicular.

Os médicos então isolam e seccionam os canais deferentes, amarram cirurgicamente as extremidades e ainda colocam sobre suas pontas uma pequena camada de tecido a fim de impedir que elas se juntem novamente. O procedimento dura em média 30 minutos e o tempo de recuperação é muito rápido, com retorno dos pacientes às suas atividades habituais já no dia seguinte!

Riscos e Complicações Podem Existir

Por ser uma simples cirurgia, a vasectomia não apresenta grandes riscos, no entanto, como em qualquer procedimento podem ocorrer complicações como dores pós operatórias, sangramento e infecções.

Alguns problemas potenciais que podem surgir no pós operatório são:

  • Granuloma do ducto deferente – Formação de um pequeno nódulo inofensivo na região onde os canais deferentes são selados.
  • Acúmulo do esperma – Sem o canal de transporte, é possível que o sêmen se acumule em uma determinada região do escroto denominada epidídimo, ocasionando assim dores nos testículos que podem ser aliviadas com ajuda de anti-inflamatórios.
  • Epididimite – Inflamação que pode causar incômodo e dor escrotal, muitas vezes não sendo necessário nenhum tipo de tratamento para sua melhora, que deverá desaparecer sozinha com o passar do tempo.

Vantagens e Desvantagens de se Fazer uma Vasectomia

O procedimento de vasectomia pode trazer mais vantagens do que desvantagens aos pacientes que optam por ela. Algumas das principais vantagens que podemos citar são em relação ao próprio procedimento, como:

  • Procedimento realizado em regime ambulatorial, sem a necessidade de preparo especial anterior à cirurgia;
  • Operação simples e de fácil recuperação;
  • Aplicação de anestesia local (opcionalmente pode-se associar sedação intravenosa para maior conforto do paciente);
  • Tempo de realização do procedimento estimado em torno de 30 a 40 minutos;
  • Pacientes vasectomizados podem voltar a sua rotina já no dia seguinte;
  • Excelente método contraceptivo.

Na lista de desvantagens estão pontos como:

  • Não se deve realizar o procedimento pensando em revertê-la no futuro;
  • Não protege contra infecções sexualmente transmissíveis;

Antes de optar – ou não – por realizar a cirurgia de vasectomia, você deve conversar com sua parceira. É importante que, juntos, vocês entendam se esse é ou não o melhor momento para que o procedimento seja realizado.

Após tomarem essa decisão um médico urologista de sua confiança deve ser visitado para uma consulta. Ele pode tirar todas as suas dúvidas sobre a vasectomia. E também verificar se essa é de fato a melhor opção para o seu caso.

Referência: Urology Care Foundation

O Artigo foi Útil?

Clique em 5 estrelas!

Classificação média: / 5. Contagem de votos:

Informações Relevantes, Compartilhe:
Agende uma Consulta