Carregando...Erros ao Tomar Medicamentos para Disfunção Erétil

Principais Erros ao Tomar Medicamentos para Disfunção Erétil – E Como Corrigir

Erros ao Tomar Medicamentos para Disfunção Erétil. A utilização de medicamentos indicados no tratamento da disfunção erétil como forma de melhorar a performance sexual está cada vez mais comum. Esse é apenas um dos diversos erros cometidos pelos homens que utilizam esse tipo de fármaco sem que haja a menor necessidade ou prescrição médica.

Continue a leitura deste artigo para saber mais sobre os principais erros ao tomar medicamentos para disfunção erétil e como corrigi-los sem que haja danos a sua saúde geral e sexual.

Os Medicamentos Para Disfunção Erétil

Encontrados facilmente em farmácias e vendidos sem a necessidade de uma receita médica, esse tipo de medicamento tem se mostrado perigoso quando não tomado de maneira adequada.

Muitos homens acham que apenas comprar e tomar o viagra é suficiente para ter uma melhora na sua performance sexual. E por isso não se atentam a questões como ler a bula do remédio e até mesmo procurar um médico especialista.

O Viagra

Muito conhecido entre os homens como “azulzinho”, o viagra nada mais é do que um medicamento utilizado por quem precisa daquela ajudinha na no desempenho sexual. O comprimido que contém 50 mg por unidade é capaz de agir diretamente nos vasos responsáveis pela ereção localizados nos corpos cavernosos do pênis, causando assim sua dilatação.

Infertilidade Ou Disfunção Erétil?
Reserve a sua Consulta Hoje com Urologista.

O citrato de sildenafila, nome científico da substância, pode continuar presente no organismo por cerca de 8 horas após sua ingestão. No entanto, apesar disso, não significa que seu pênis permanecerá durante todo esse período.

Principais Erros ao Tomar Medicamentos para Disfunção Erétil

Ignorar As Instruções De Uso

Este é um erro muito comum e que pode se tornar até mesmo fatal. Isso porque é essencial entender as informações fornecidas pelo fabricante e seguir as orientações do médico, uma vez que nem todo homem pode fazer o uso desse tipo de droga.

Certifique-se de utilizar a dosagem adequada, além de respeitar a frequência de uso e também as recomendações sobre alimentação e interação com outros tipos de medicamentos.

Não Buscar Indicação Médica

O uso recreativo dos medicamentos para disfunção erétil, ou seja, sem que haja a necessidade ou prescrição médica pode ser muito perigoso. Uma vez que esse tipo de fármaco pode reagir de diversas formas quando tomado junto a outros tipos de medicamentos e suplementos.

Por isso, quando for ao médico lembre-se sempre de descrever todos os comprimidos, cápsulas, e outros tipos de substâncias que você venha a fazer o uso diário ou esporádico para que seja analisado se é ou não viável recorrer ao viagra.

Aumentar a Dose Para Melhorar Seu Efeito

Outro erro comum é elevar as doses de viagra pensando que assim o efeito virá mais rápido, ou permanecerá por mais tempo. No entanto, as altas doses deste fármaco acabam não mexendo na potencialização da ereção, mas sim em seus efeitos colaterais.

Além disso, utilizar altas doses com certa frequência pode até mesmo levar à dependência psicológica do medicamento.

Como Utilizar o Viagra Corretamente

A primeira coisa a se fazer quando episódios de disfunção erétil forem percebidos frequentemente é buscar ajuda de um médico urologista de confiança. Com a análise adequada do seu quadro e a descoberta do fator desencadeante o melhor meio de tratamento será apresentado.

Existem diversos caminhos que o homem com disfunção erétil pode seguir, entre eles estão os medicamentos orais, intracavernosos injetáveis e até mesmo a colocação de prótese peniana. Para saber mais sobre o assunto e tirar suas dúvidas marque uma consulta com seu médico de confiança.

Mais informações sobre este assunto na Internet:

O Artigo foi Útil?

Clique em 5 estrelas!

Classificação média: / 5. Contagem de votos:

Informações Relevantes, Compartilhe:
Agende uma Consulta