Carregando...Álcool Pode Interferir na Função Sexual

O Consumo de Álcool Pode Interferir na Função Sexual?

Álcool Pode Interferir na Função Sexual? Uma bebida alcoólica para quebrar o gelo e deixar a pessoa desinibida não faz mal a ninguém. No entanto, o abuso dessa substância pode desencadear quadros que interferem diretamente na função sexual do homem.

Continue a leitura deste artigo e saiba mais sobre em que casos o consumo de álcool pode interferir na função sexual.

Álcool Pode Interferir na Função Sexual?

Alcoolismo

O consumo excessivo de álcool, também chamado de alcoolismo, pode ser considerado como uma doença crônica e progressiva influenciada principalmente por fatores psicológicos, ambientais e até mesmo genéticos.

Por ser progressiva, a doença pode piorar com o tempo, levando ao vício mental e físico. O alcoólatra passa a se preocupar mais com a bebida e deixa de prestar atenção na sua vida e pessoas que o cercam.

Disfunção Sexual

A disfunção sexual, ou impotência sexual, é caracterizada principalmente pela dificuldade em obter ou manter uma ereção peniana rígida o suficiente para a prática sexual.

A disfunção erétil pode afetar negativamente os relacionamentos interpessoais dos homens, comprometendo assim sua qualidade de vida. Apesar de 52% da população masculina entre os 40 e 70 anos apresentarem dificuldades persistentes de manter a ereção, a condição pode estar presente naqueles homens mais jovens.

Alcoolismo e Disfunção Sexual

Muitas pessoas têm o hábito de usar a bebida alcoólica para relaxar ou até mesmo criar um clima mais propício para a intimidade. No entanto, o que essas pessoas não sabem é que o álcool é uma substância depressora, ou seja, consumi-la em excesso, pode diminuir o desejo sexual e consequentemente acarretar em quadros de disfunção sexual.

Mas e se consumido em pequenas quantidades? Embora pequenas quantidades de álcool no organismo tenham o potencial de contribuir para a criação do desejo sexual, ela também é capaz de diminuir o desempenho na “hora H”, incapacitando o indivíduo de atingir o clímax durante a relação sexual.

Além disso, o consumo excessivo de álcool pode interferir na função testicular e produção de testosterona, agravando o quadro de impotência sexual, infertilidade e a redução das características masculinas, como os pelos faciais e no peitoral.

Como Tratar a DE

Ao contrário do que muitos pensam, é possível tratar a disfunção erétil. Ao notar a dificuldade recorrente em obter uma ereção ou alterações no desempenho sexual, é aconselhado que se busque ajuda médica de um profissional especializado.

É comum que o paciente recorra a medicamentos como o viagra por conta própria quando alguma situação do tipo acontece. No entanto, esse tipo de abordagem pode ser perigosa e não tratar o problema de fato.

Um diagnóstico completo pode ser melhor realizado pelo seu médico urologista. Ao detectarem o agente causador da disfunção, o plano de tratamento poderá ser apresentado com as melhores opções para o seu quadro, devolvendo a oportunidade de ter uma vida sexual satisfatória tanto para você quanto para sua parceira.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:

O Artigo foi Útil?

Clique em 5 estrelas!

Classificação média: / 5. Contagem de votos:

Informações Relevantes, Compartilhe:
Agende uma Consulta