Carregando...Ereção Parcial

Ereção Parcial – Por que o Homem Fica Meia Bomba?

Ereção Parcial. Por interferir diretamente na masculinidade, ser chamado de “Meia Bomba” é inaceitável para a maioria dos homens. Considerada como um motivo de vergonha, a expressão remete a presença de ereções parciais e, assim, insatisfatórias para a relação sexual.

A condição que prejudica tanto fisicamente quanto emocionalmente o paciente afetado pode decorrer de diversas causas, sendo mais comum sua observação após os 40 anos. Continue a leitura deste artigo e entenda porque o homem fica meia bomba.

As Ereções

A ereção peniana é caracterizada pelo aumento, endurecimento e elevação do órgão reprodutor masculino, o pênis, após algum estímulo sexual, seja ele visual, físico ou mental.

Apesar de parecer um processo simples, a elevação do pênis durante a ereção envolve a coordenação de diversos sistemas presentes no organismo, como o neurológico, psicológico e cardiovascular.

No interior do pênis, existem três longas massas de tecido cilíndrico adaptadas para receber e represar o sangue necessário para tornar o membro ereto. Duas delas são revestidas por um tecido fibroso que gera a sustentação da rigidez, os corpos cavernosos. eles ficam localizadas lado a lado na porção superior do órgão genital. Já a terceira, conhecida como corpo esponjoso, fica abaixo dos corpos cavernosos circundando a uretra e na ponta de pênis, formando a glande.

Quando o pênis está em um estado flácido ou em repouso, os espaços são colapsados ​​e o tecido fica retraído. Durante a ereção, o sangue flui para os espaços, causando distensão e elevação do pênis.

Ereção Parcial – Por que o Homem Fica Meia Bomba?

Existem alguns fatores capazes de interferir diretamente nos processos de ereção, impedindo-a de ocorrer perfeitamente. Esse tipo de ereção pode se apresentar em diferentes níveis, como sendo de grau leve, moderado ou completo.

Em casos mais brandos, que são os mais frequentes, essa ereção imperfeita não impede a consumação do ato sexual, no entanto a intensidade de rigidez e o tempo de sua duração serão inferiores quando comparados a uma ereção saudável.

Nos casos considerados graves, o paciente não conseguirá a dureza necessária para que haja a penetração. Com isso, é possível que haja uma sensação de insatisfação generalizada no casal.

É Possível Resolver

Em casos onde o paciente perceba que tem algo de errado com sua ereção, é aconselhável buscar ajuda de um médico urologista de sua confiança para avaliar o quadro. Já na primeira consulta, o profissional fará uma série de perguntas como, se o problema é frequente ou intermitente, se existe alguma causa aparente para que o distúrbio ocorra ou se o paciente está fazendo uso de alguma medicação.

As principais causas para uma ereção incompleta são os maus hábitos, como uma alimentação desregrada, excesso de álcool, tabagismo, estresse, sono desregulado, hipertensão, diabetes, problemas no sistema endócrino ou cardiovasculares, ingestão de certos tipos de medicamentos e problemas emocionais como a depressão ou ansiedade.

O Tratamento

Após estabelecida a causa para a ereção irregular, um programa de tratamento específico deve ser proposto para cada caso. Além da mudança de hábitos, seu médico poderá sugerir medicamentos ou terapias psicológicas.

Qualquer tentativa de restaurar a ereção por meio de medicamentos para disfunção erétil sem o acompanhamento ou prescrição médica poderá trazer complicações futuras para a sua saúde sexual.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:

O Artigo foi Útil?

Clique em 5 estrelas!

Classificação média: / 5. Contagem de votos:

Informações Relevantes, Compartilhe:
Agende uma Consulta