//
Carregando...Discutir Disfunção Erétil Com Seu Médico

Como Discutir Disfunção Erétil Com Seu Médico?

Spread the love

Como Discutir Disfunção Erétil Com Seu Médico. As dificuldades para obter ou manter uma ereção não são motivos de preocupação se forem problemas temporários, ou seja, que só acontecem ocasionalmente. Isso porque pode haver uma série de razões para este ocorrido, como a fadiga, o estresse ou até mesmo os efeitos colaterais de algum medicamento que você esteja tomando.

Mas, alguns homens experimentam essa dificuldade com maior frequência ou intensidade, esse quadro é chamado de disfunção erétil. Esta condição é mais comum em homens mais velhos, embora o envelhecimento não seja a principal causa do problema.

Em quase 75% dos casos de Disfunção Erétil há uma causa física. Isso significa que é hora de ver o seu médico urologista. Continue este artigo e saiba mais sobre como abordar esse assunto na sua próxima consulta urológica.

Como o Seu Médico pode Ajudá-lo?

Existem três razões principais pelas quais você não deve tentar lidar com a disfunção erétil por conta própria. A primeira é porque ela pode ser tratada com algum tipo de apoio psicológico. A segunda é que existem medicamentos prescritos apenas para resolver Disfunção Erétil; E a última é que há outras opções que seu médico pode ajudá-lo a explorar, tais como:

  • Injeções;
  • Hormônios;
  • Implantes penianos cirúrgicos;

A disfunção erétil pode ser associada a condições de saúde mais graves, como:

  • Pressão alta;
  • “Endurecimento” das artérias;
  • Diabetes.
Baixos Niveis de Testosterona?
Marque sua Consulta Agora!

Também pode ser associada a outros tratamentos médicos, tais como:

  • Cirurgia de próstata;
  • Bloqueios hormonais;
  • Traumas Medulares.

Quando você passa por uma consulta com seu médico urologista ele pode ser capaz de identificar a causa da sua disfunção e também indicar o tratamento adequado. Se o estresse, a ansiedade ou a depressão forem responsáveis pela condição, o médico pode ajudá-lo a encontrar um profissional de saúde mental licenciado para resolver essas questões.

Preparando-se para sua Visita

Se você não quer revelar ao recepcionista o real motivo da consulta, basta dizer que você quer falar com o médico sobre um problema de saúde do sexo masculino, ou apenas marcar uma consulta de rotina. Em seguida, faça uma lista de informações que seu médico deve saber, como por exemplo:

  • Todos os medicamentos que você tem tomado, incluindo medicamentos prescritos e de venda livre, remédios naturais, suplementos e vitaminas.
  • Fatos sobre seus sintomas. Quando eles começaram? Eles começaram progressivamente ou de forma rápida? Isso acontece toda vez que você quer faz sexo? É aleatório ou somente em certas circunstâncias?
  • Informações pessoais importantes. Você está passando por um momento estressante? Houve mudanças importantes em casa ou no trabalho?

Pense em pedir a seu(sua) parceiro(a) para te acompanhar, ele(a) pode descrever detalhes que você não se lembre, ou talvez não tenha pensado.

O Que Perguntar ao Médico Sobre a Disfunção Erétil?

Você vai querer respostas para essas perguntas antes de sair:

  • O que está causando minha Disfunção Erétil?
  • Os meus sintomas são longos ou temporários?
  • A minha Disfunção Erétil pode ser tratada?
  • Quais são as opções de tratamento?
  • E se eles não funcionarem?
  • Preciso ver um especialista?
  • O que o meu seguro irá cobrir?
  • Posso fazer mudanças de estilo de vida que ajudarão?
  • Onde posso obter mais informações?

O que Acontece no Consultório Médico?

Preocupado sobre como introduzir seu problema? A melhor abordagem é apenas dizer: “Eu acho que posso ter Disfunção Erétil” ou até mesmo “Estou com problemas nas minhas ereções”. É improvável que seu médico se sinta desconfortável. Mas caso ele tenha problemas para falar sobre problemas sexuais com você, peça-lhe que o encaminhe para um urologista.

O médico começará perguntando sobre seu histórico médico. Ele fará isso para saber mais sobre seus sintomas, condições e quais medicamentos você está tomando. As perguntas podem parecer pessoais, mas é importante respondê-las de forma completa e honesta. O médico precisa dessas informações para saber como tratá-lo. As perguntas podem incluir:

  • Você já conseguiu ter uma ereção?
  • Se você consegue, a ereção é firme o suficiente para iniciar o ato sexual?
  • Quando você começa a fazer sexo, você perde a ereção?
  • Você pode obter uma ereção pela masturbação?
  • Você já acordou com uma ereção?

O médico perguntará se você fuma, quanto álcool você bebe e se você usa ou não drogas recreativas. Só então ele fará um exame físico que irá abranger tanto o pênis quanto a próstata.

O médico também pode solicitar exames de sangue e laboratoriais, para verificar a presença de condições como diabetes ou doença cardíaca. Se você precisar de mais testes, ele pode enviá-lo a um urologista especializado.

Quando você consultar o urologista, faça as mesmas perguntas que você faz ao seu clínico geral e espere que ele faça perguntas próximas às que seu médico lhe fez. O urologista perguntará o que acontece quando você faz sexo, isso o ajudará a saber por onde começar.

Ele usará suas respostas para acompanhar seu progresso. Além de realizar mais perguntas sobre sua saúde e pedir um exame complementar, como por exemplo dosagens hormonais, um ultrassom ou realizar um estudo do sono. Pode parecer estranho em um primeiro momento conversar com seu médico sobre Disfunção Erétil, mas isso é essencial para resolver o problema.

Mais informações sobre este assunto na Internet:

Artigo Publicado em: 18 de fevereiro de 2019 e Atualizado em: 01 de setembro de 2023

O Artigo foi Útil?

Clique em 5 estrelas!

Classificação média: / 5. Contagem de votos:

Agende uma Consulta