Carregando...Cirurgias Penianas

Visão Geral das Cirurgias Penianas: Explorando Opções e Considerações

De boa aparência até correção de problemas que afetam a saúde sexual de um homem, a procura pelas cirurgias penianas tem se tornado cada vez mais comuns nas clínicas urológicas. No entanto, nem sempre o desejo do paciente condiz com com a possibilidade de melhora ou com o método indicado pelo profissional responsável por avaliar a queixa.

Continue a leitura deste artigo e conheça mais sobre quais são as opções de cirurgias penianas disponíveis e quais são as considerações de cada uma delas.

O Pênis

Motivo de comparação entre muitos homens, o pênis é um órgão sexual reprodutivo e que desempenha um importante papel na função urinária. Presente apenas no organismo masculino, esse órgão é composto por três partes, sendo elas a raiz, corpo e base.

Apesar de não existir um padrão ideal de aparência e comprimento para o pênis, esse assunto tem sido cada vez mais debatido entre os homens. A busca pelo pênis perfeito fez com que muitos pacientes procurassem seus médicos urologistas para corrigir algumas condições e melhorar a aparência peniana.

As Cirurgias Penianas

Existem diversos tipos de cirurgias penianas, indicadas para o tratamento de certas condições, melhora na vida sexual e até mesmo correções leves no aspecto cosmético peniano. Os procedimento cirúrgicos realizados no pênis mais procurados pelos homens são:

Insatisfeito com seu Desempenho Sexual?
Agende Hoje mesmo uma Consulta com Urologista.

Cada um desses procedimentos são indicados para casos diferentes, confira:

Circuncisão

A chamada postectomia, ou circuncisão, consiste na retirada cirúrgica da pele e mucosa onde se localiza o anel prepucial. Geralmente esse tipo de procedimento cirúrgico é indicado para pacientes que desejam eliminar a fimose ou a redundância do prepúcio.

A cirurgia pode ser realizada com auxílio de sedação e anestesia local e ajuda a diminuir o risco de infecções genitais e sexualmente transmissíveis como o HIV, gonorreia e HPV.

Frenuloplastia

Chamada de frenuloplastia, essa intervenção cirúrgica é realizada para cortar o frênulo e liberar a tração da ponta da glande para baixo durante a ereção em homens que possuem diagnóstico de freio curto.

Freio peniano é o nome dado à ponte de pele entre o prepúcio e a saída da uretra na parte de baixo do órgão genital. Dependendo da pressão sofrida nessa região, é possível que o frênulo se rompa, causando dor e sangramento.

Bioplastia Peniana

A bioplastia peniana é um procedimento utilizado para aumentar a circunferência peniana ou corrigir pequenas curvaturas e irregularidades no membro. Quando não realizado de modo correto e sem um profissional capacitado, esse tipo de procedimento pode ser prejudicial à saúde sexual.

A demanda vem muitas vezes por questionamentos estéticos na genitália masculina que passou a aparecer mais nos últimos anos, provavelmente com o maior acesso à informações e conteúdos sexuais na internet.

Correção de Curvatura

Procedimentos cirúrgicos para a correção de curvatura peniana só devem ser realizados caso o paciente perceba que a curvatura dificulta ou impossibilita a relação sexual. Geralmente, essa deformação está ligada a casos de doença de Peyronie.

Além disso, o pênis pode sofrer curvaturas caso seja exposto a lesões, pequenos traumas e danos oxidativos. Além de procedimentos cirúrgicos existem outros métodos de tratamento para a condição que podem ser discutidos com o seu urologista.

Implantes Penianos

Os implantes penianos são na maioria das vezes utilizados em pacientes com disfunção erétil que não responderam adequadamente ao uso de drogas orais ou tiveram contra-indicação ao uso destas medicações.

Além disso, pacientes que não se adaptaram ou não responderam ao uso de drogas injetadas diretamente nos corpos cavernosos também podem precisar realizar a cirurgia de colocação de implantes penianos.

Considerações das Cirurgias Penianas

Antes de optar pelas cirurgias penianas, o paciente junto ao seu urologista de confiança deverão estudar os prós e contras envolvidos no procedimento. Em certos casos, outros tipos de terapia podem demonstrar resultados satisfatórios sem que haja a necessidade de operação.

Consultar um médico experiente e especializado pode fazer toda a diferença antes, durante e após seu tratamento. Busque sempre por referências e profissionais certificados para realizar seu tratamento, assim, sua saúde sexual não estará em risco.

Mais informações sobre este assunto na Internet:

O Artigo foi Útil?

Clique em 5 estrelas!

Classificação média: / 5. Contagem de votos:

Informações Relevantes, Compartilhe:
Agende uma Consulta